Hollywood descobriu na última década e meia a maravilha que é adaptar decentemente histórias em quadrinhos para o cinema e TV. Quando o negócio é bem feito, o dinheiro chega de caminhão e não para mais. Aí é só alegria, puta, pinga, foguete, charuto e pó. Atualmente, a maioria dos estúdios conta com os direitos para algum personagem de quadrinhos, trocentos filmes baseados neles devem chegar aos cinemas nos próximos anos.

Pensando nisso, pensamos no que seria o próximo passo das adaptações: em um mundo perfeito, estúdios poderiam adaptar graphic novels separadas da cronologia dos outros filmes. Isso jamais acontecerá por causa do público médio, mas isso não nos impede de pensar em como elas seriam. Agora, chegou a hora de listarmos as dez graphic novels que mais gostaríamos de ver no cinema.

1) Kingdom Come

kingdom-come-icerisinden-bir-saate-yakin-durmaplay

Kingdom Come, lançada no Brasil como Reino do Amanhã, é uma graphic novel desenhada pelo artista Alex Ross e que conta a história de um futuro sombrio para o Universo DC. Superman desapareceu há anos, Batman trabalha apenas nos bastidores e uma nova leva de heróis e vilões surgem na Terra. Quando os combates fogem ao controle de todos, resta ao Homem de Aço arrumar tudo. Só que os anos afastado da população mundial deixaram Kal-El com uma impressão diferente da humanidade.

O filme poderia até ser dividido em duas partes, mostrando as versões mais velhas de conhecidos heróis, apresentando uma história adulta e com algumas reviravoltas interessantes.

2) 100 Balas

100-bullets

100 Balas é uma coleção de histórias de pessoas que podem se vingar de seus inimigos de maneira violenta, decisiva e com grande chance de sucesso. No início das histórias, um misterioso agente chamado Graves entrega para uma vítima de alguma injustiça uma mala com uma arma, 100 balas que não podem ser rastreadas e informações sobre o seu alvo.

A história criada por Brian Azzarello é sensacional e até teve seus direitos comprados por Hollywood por um tempo, mas a produção se perdeu no limbo. Toda a trama poderia ser adaptada na forma de uma série de filmes ou até mesmo em um seriado de TV com potencial incrível.

3) Maus

maus03

Considerada uma das maiores graphic novels da história, Maus conta a história do artista Art Spielgelman tentando sobreviver ao Holocausto. Utilizando o antropomorfismo, substituindo pessoas por animais, o autor coloca ratos no lugar dos judeus e poloneses como porcos, como eram mostrados os povos em propagandas nazistas na época da Segunda Guerra Mundial.

Sendo adaptada na forma de uma animação adulta, Maus poderia mostrar para um público ainda maior a qualidade da obra criada por Spielgelman.

4) Superman: Red Son

Superman-Red-Son

Superman boladão é sempre interessante. Num rompante incrível de uma boa ideia que consegue ser desenvolvida decentemente (algo infelizmente não muito comum na sua carreira), Mark Millar criou uma história que mostra o que aconteceria se, em vez de cair com sua nave no Kansas, Kal-El tivesse caído na antiga União Soviética.

Superman: Red Son, lançada no Brasil como Superman Entre a Foice e o Martelo poderia mostrar uma adaptação diferente do universo DC, apresentando versões diferentes do Superman, Batman e Mulher-Maravilha, em um mundo em que os Estados Unidos não são vistos da mesma maneira como antes por causa da presença de um ET super-poderoso do lado oposto.

5) The Boys

the-boys

The Boys é uma graphic novel criada por Garth Ennis, de Preacher, que mostra como seria um mundo em que super-heróis fazem o que bem entendem e destroem todo mundo. Alguém deve policiar os seres poderosos e aí entram os The Boys, uma equipe da CIA que serve pra ARREBENTAR o pessoal na porrada quando isso é necessário> Sério, essa aqui é a primeira página da história:

BoysVol1LimitedHC:Layout 1

The Boys quase foi adaptada para o cinema, com direito a ter o Simon Pegg, ator que serviu como base para o personagem Wee Hughie, mas o projeto acabou morrendo. Como filme ou série de TV, isso poderia render muito.

6) Batman: A Piada Mortal

comics-batman-the-killing-joke

Batman: A Piada Mortal é considerada uma das melhores (senão a melhor) história do Coringa. Escrita pelo Alan Moore, a graphic novel apresenta uma possível origem para o bobo, palhaço, o Jóquer, além de trazer alguns momentos perturbadores, que mostram bem o nível da loucura do Coringa.

Apesar de um pouco da história ter sido chupado para diversas mídias, como filmes e jogos de videogame, uma adaptação direta de A Piada Mortal poderia sim render o melhor filme do Batman.

7) Old Man Logan

19904-old-man-logan

Apesar de todo mundo estar cansando de ver o Wolverine no cinema, existem algumas histórias que mereciam ser vistas na telona e Old Man Logan é uma delas. A história trata um Logan idoso tendo que lidar com um Gavião Arqueiro velho, uma família Hulk incestuosa, um mundo devastado e tudo mais o que você precisa para criar uma boa HQ do Wolverine.

Old Man Logan dificilmente será adaptada para o cinema pelo problema de ser absurda e ter personagens que estão espalhados por vários estúdios. Apenas um acordo entre Fox, Sony e Disney permitiria tal produção e, se pararmos pra pensar, se isso acontecer, provavelmente não será para um filme em que o Hulk traçava a prima.

8) Fables

fables

Adaptada recentemente para o mundo dos games no excelente Wolf Among Us, Fables supostamente está virando um filme pelas mãos da Warner Bros. Lançado no Brasil como Fábulas, o quadrinho conta a história de personagens de contos de fada que tiveram que fugir de sua terra por causa de uma guerra. Agora, eles vivem em Nova York, tentando tocar sua existência do jeito que dá.

O jogo da Telltale mostrou o potencial de uma adaptação de Fables, desde que seus produtores sejam fieis ao material original. Fora que dá pra adaptar os vários arcos como filmes separados e ganhar dinheiro pra caramba.

9) Punisher MAX

1903659-punisher_max

Punisher MAX, lançado no Brasil como Justiceiro MAX, é uma série de 22 edições que foram reunidas e que contam uma história completa sobre Frank Castle. Apesar de ser o tipo de trama que não permitiria qualquer tipo de sequência, a graphic novel é excelente e coloca alguns dos vilões mais importantes do personagem no seu caminho.

A ideia de um Justiceiro bem mais velho e indo no FREE FOR ALL é fantástica e poderia render um filme absurdamente sensacional, algo que o personagem precisa urgentemente.

10) Marvels

alexross-hulkwp72

Provavelmente o melhor trabalho do Alex Ross, Marvels reconta toda a história do Universo Marvel desde a sua Era de Ouro, com o surgimento do primeiro Tocha Humana, Namor e Capitão América, até o surgimento de Quarteto Fantástico, X-Men e Homem-Aranha, iniciando a Era de Prata da editora. Tudo é visto através dos olhos de um fotógrafo, que acompanha os acontecimentos com a sua câmera fotográfica, dando ao público uma perspectiva diferente de tudo o que rola.

Adaptado na forma de um filme ou até de uma minissérie para a TV, Marvels poderia servir como uma homenagem, uma carta de amor à editora e tudo o que ela criou durante o século 20. O problema de os personagem estarem todos espalhados em diferentes estúdios complicaria uma possível adaptação, mas o sonho existe de que um dia isso não só vai ser possível como também aceitável pelo público.

Na pior das hipóteses, assim como em todas as graphic novels da lista, as HQs ainda estarão lá nos aguardando.

Sem mais artigos