Adaptações de anime para o cinema são realmente complicadas porque nem sempre a qualidade da animação funciona em versão de carne e osso. Seja por alguns exageros característicos de animes ou o próprio tema tratado, simplesmente não dá pra fazer funcionar. Aí até quando o negócio é mais “sóbrio”, não funciona tão bem, como Ghost in the Shell.

De vez em quando, Hollywood tenta adaptar aquelas histórias mais absurdas, como Dragon Ball, criando algo que ofende quem gostava do desenho ou simplesmente alguém que não é cego e surdo. Agora, temos a confirmação que americanos tentaram adaptar outro desenho japonês que é bem absurdo se parar pra pensar e, obviamente, ficou uma bosta. Quão bosta? Bom, veja Cavaleiros do Zodíaco com atores.

De onde surgiu essa caceta?

Há alguns anos, Masami Kurumada, criador dos Cavaleiros do Zodíaco, comentou em entrevistas que surgiu, no início dos anos 90, um interesse em criar um filme ou série baseado no anime, mais ou menos na empolgação e “VAMO GANHAR DINHEIRO FÁCIL NESSA PORRA” inspirado no sucesso dos Power Rangers, que pegava material de tokusatsus, filmava umas cenas com atores americanos e depois nadavam em rios de dinheiro.

Só que Cavaleiros do Zodíaco era só anime, não tinha nada relativamente parecido com aquilo para reutilizar material, fora que isso seria meio imbecil. Então, numa ânsia de ganhar dinheiro e vender (mais) bonecos, a Bandai supostamente teria entrado no esquema sozinha para adaptar o anime nos EUA.

Segundo Kurumada, o resultado foi tão ruim que todo mundo desistiu da ideia. Como podemos ver, o homem não estava mentindo.

Durante anos, mesmo com o criador do mangá falando que o projeto existiu, ele meio que era uma lenda urbana, já que não existia qualquer informação além das palavras do Kurumada, que a produção existia. Até agora.

O canal SectorFan conseguiu, sabe-se lá em qual beco escuro, o tal piloto dessa versão live action de Cavaleiros do Zodíaco e meu Deus do céu!

Como não basta só ver o negócio, sou um desocupado e resolvi que vou comentar um vídeo ruim de 20 segundos. Vem comigo. Ou não, você que sabe.

TÁ QUASE TUDO ERRADO!

O vídeo começa com o Cavaleiro de Pégaso colocando sua armadura, mas não daquele jeito do anime, com as peças voando e claramente machucando o corpo do maluco porque elas simplesmente são jogadas contra ele por uma força que eu chuto ser o seu cosmo.

Aqui, o cara coloca a armadura como uma pessoa normal faria. Normal na medida que anda seminu e coloca uma armadura que não cobre muito e tem asas.

Porque sim, essa versão tem as asas que o Pégaso só exibe em versões mais avançadas ou quando tá naquela forma estátua que era um saco de montar, mas ficava tão bonitinho. Outra coisa que dá pra ver é que o Seiya claramente não era o Seiya, mas sim algum bombadinho que sabia dar chutes para a câmera.

Aqui dá pra ver o Cavaleiro de Pégaso fazendo fotossíntese à noite e o nome que seria dado à essa versão cretina de Cavaleiros do Zodíaco: Starstorm.

Em seguida, vemos as versões dos “Cavaleiros de Atena” sendo apresentados. Primeiro, esse cavaleiro de Dragão que é oriental, mas tá de cabelo curto e que porra é essa, meu jovem?

Depois dele, é a vez do Cavaleiro de Fênix, dessa vez interpretado por um ator negro e bombado.

Fechando o momento de apresentações, o Cavaleiro de Andromeda, que agora é uma Cavaleira (?), finalmente fechando o ciclo e fazendo o Shun virar mulher.

Dá pra perceber que os caras tavam bem no embalo “Power Rangers”, com um elenco bem diversificado pra pegar todos os públicos possíveis. Não faz muito sentido pra Cavaleiros do Zodíaco, mas é isso aí.

Aqui vemos o vilão do tal episódio, o Máscara da Morte. Novamente um maluco bombado e agora cabeludo, o cara tá mandando raio com os olhos e não era assim que o Cavaleiro de Ouro de Câncer lutava.

O ataque dá em cheio no peito do Dragão e dá pra ver nessa cena mais detalhes da armadura do Fênix e veja só, tem o Cisne ali.

Todo mundo resolve ir pra porrada, mas a porrada são uns raios fracos e sem vergonha. Cadê os golpes? Sei lá, faz o Cisne congelar o maluco, alguma coisa.

Aqui dá pra ver que a Cavaleira/Guerreira de Andrômeda tem as correntes, que parecem inúteis contra esse Máscara da Morte bombado.

Outra cena mostra que, apesar de os americanos terem preferido todo mundo de torso nu, as calças com as mesmas cores do anime estão ali.

E pra fechar esse Máscara da Morte bombado.

O que dá pra dizer? Que tá ruim. Por incrível que pareça, os caras foram fieis o suficiente com o design das armaduras, mas isso também mostrou que não dá pra ser fiel com esse estilo sem parecer um ridículo. Ficou parecendo cosplay. Um cosplay bem feitinho, mas nada muito além disso. Nisso, aquelas armaduras do filme em computação gráfica foram melhores, já que conseguiram deixar tudo mais aceitável.

Cavaleiros do Zodíaco

Espero muito que esse piloto acabe caindo completo na internet, porque o mundo tá complicado e a gente precisa de uns motivos pra dar risada sincera.

Vale lembrar que Cavaleiros do Zodíaco deve ganhar uma nova versão, dessa vez em animação, que deve chegar à Netflix em 2019.

Via Anitay

Sem mais artigos