Homem-Aranha jogo

Homem-Aranha: os jogos eletrônicos tipo videogame do Aranha

Existem apenas dois super-heróis que realmente funcionam nos games: Batman e Homem-Aranha. Os personagens mais populares das duas editoras de quadrinhos ficam bem dentro de um ambiente controlado e, por isso, quando se fala de jogos de videogame de super-heróis, os dois vêm à mente.

Batman já deu um chute no peito de todo mundo com os seus últimos títulos, depois de alguns jogos meia-boca. Agora, chegou a hora de falar sobre o Amigão da Vizinhança e os melhores games já estrelados por ele. Inicialmente, falaríamos sobre os melhores e os piores. Só que pra quê falar de jogo ruim? VAMO FALAR DE COISA BOA, GENTE! Ou quase isso. :D

Spider-Man (Atari 2600)

Pois é, o jogo do Homem-Aranha para Atari não é necessariamente BOM, mas é o primeiro jogo de verdade para um console estrelado pelo personagem. Você controlava um Homem-Aranha subindo um prédio e desativando bombas jogadas pelo Duende Verde. E era isso. Vale mais pelo valor histórico da coisa toda.

Maximum Carnage (SNES/Mega Drive)

maximum carnage

Aqui a porra começa a ficar séria. Baseada numa das sagas mais “anos 90” do Aranha, Maximum Carnage era extremamente sensacional para a época. A história da união entre Homem-Aranha e Venom contra Carnificina colocava o jogador na pele de um dos dois personagens por fase, socando vagabundinhos pelas ruas até chegar nos chefes.

Lançado para SNES e Mega Drive, o jogo entrava na dança do gênero beat ‘em up. Hoje em dia, não é nada absurdo, mas ainda consegue divertir. Outra coisa interessante sobre o jogo é sua música-tema. Ouça e note que nada mais é do que uma versão midi de Mob Rules, do Black Sabbath.

Spider-Man e Spider-Man 2: Enter Electro (PS1/Nintendo 64)

Os dois jogos são considerados por alguns as melhores adaptações do herói para os games. Apesar de não retratarem um arco conhecido, os jogos apresentavam histórias envolventes, com uma jogabilidade que fazia o jogador se sentir como o Homem-Aranha, participações de outros personagens do Universo Marvel e a narração de Stan “The Man” Lee. Tudo isso transformava os dois games criados pela Activision e Neversoft em títulos que todos os donos de PS1 tinham.

Um detalhe interessante: O final de Enter Electro parece MUITO com o final do roteiro criado pelo James Cameron nos anos 90 e que não foi produzido. Fora que esse “TONIGHT, ELECTRO DANCES WITH THE GODS” me empolga até hoje. Infelizmente, ele não foi usado no último filme. Vacilo.

Spider-Man 1, 2 e 3 (PC, Xbox, GameCube, PS2, Wii, PS3)

Meu Deus do céu esses gráficos!

Meu Deus do céu esses gráficos!

Com o lançamento da trilogia dirigida pelo Sam Raimi, a Activision lançou adaptações dos filmes. O único jogo que realmente merece menção é o segundo, já que conseguiu apresentar uma Nova York pra você realmente brincar de Homem-Aranha. O modo Free Roam foi utilizado em títulos seguintes, mas foi no segundo que todo mundo viu como era ser o Homem-Aranha brincando pelos prédios de Manhattan.

Ultimate Spider-Man (PS2, PC, Xbox, GameCube)

usm gamecube

Como o nome já indica, o game é baseado no Universo Ultimate, e coloca o jogador no controle do jovem Peter Parker e seu amigo Eddie Brock, que acabou virando o Venom.

O jogo mostra essa criação do Venom, novamente utilizando o Free Roam em uma Nova York estilizada, com gráficos que lembravam MUITO os quadrinhos da Marvel. O jogo é EXTREMAMENTE divertido e é muito indicado aos fãs do Homem-Aranha.

Spider-Man Web of Shadows (PC, PS3, PS2, Xbox 360, Wii)

Talvez o jogo que tem alguns dos melhores momentos de Free Roam, Spider-Man: Web os Shadows coloca o Homem-Aranha contra uma invasão de simbiontes em Nova York. Uma coisa interessante é que você pode escolher se deixar levar pelo simbionte e tomar atitudes mais “porraloca” ou ser o herói que todo mundo espera.

É um jogo que muita gente ignora, talvez pelo seu sistema de combate ser um pouco zoado. Se você é fã, vai curtir a parte de sair pirando pela cidade, sem rumo.

Spider-man Shattered Dimension (Xbox 360/PS3)

Primeiro jogo de verdade dentro da geração atual de games, Spider-Man: Shattered Dimensions coloca o jogador no controle de não um, mas quatro Homens-Aranha. Quando o Aranha do Universo principal da Marvel destrói um artefato com poder de dividir realidades, o Aranha do Universo Ultimate, o da realidade Noir e o Aranha 2099 têm de recuperar fragmentos do tal objeto para consertar o problema.

https://www.youtube.com/watch?v=CiYJixbMlKY

O Free Roam foi pro saco para dar lugar à fases fechadas. O jogo é divertido, mas lá pro final acaba se tornando absurdamente repetitivo e meh. Uma coisa muito legal feita pela Beenox, empresa responsável pelo jogo, foi ter feito com que cada Homem-Aranha fosse dublado por um dublador responsável pela voz do herói em uma de suas animações.

Neil Patrick Harris, que dublou o Homem-Aranha em Spider-Man: The New Animated Series, dubla a versão padrão/Amazing. Christopher Daniel Barnes, que deu a voz ao Aranha em Homem-Aranha: A Série Animada, dubla a versão Noir. O Homem-Aranha 2099 é dublado por Dan Gilvezan, que dublou o Homem-Aranha em Homem-Aranha e Seus Amigos. Pra fechar, Josh Keaton, voz do herói no desenho O Espetacular Homem-Aranha ficou com a dublagem da versão Ultimate. O jogo ainda é narrado por Stan “The Man” Lee.

The Amazing Spider-Man (3DS, Wii, PS3, Xbox 360)

https://www.youtube.com/watch?v=C8fWqqE0ErA

O penúltimo jogo lançado é baseado no longa O Espetacular Homem-Aranha e conta uma história que começa alguns meses depois do final do filme. Sim, é mais um jogo tie-in com o lançamento do filme, mas malditos sejam, como ele é divertido. O Free Roam volta cheio de vontade aqui e aqueles momentos em que você fica passeando pela cidade sem rumo também.

Pra deixar tudo ainda mais interessante, o estilo de combate apresentado em Batman: Arkham Asylum/City ganha uma versão aqui, frenética e acrobática, graças aos poderes do Aranha. Só que ainda tem muito espaço pra melhorar, o que nos leva a

The Amazing Spider-Man 2 (PC, Nintendo 3DS, PlayStation 3, PlayStation 4, Wii U e Xbox 360)

Homem-Aranha

O jogo é baseado em O Espetacular Homem-Aranha 2, mas, ao contrário de seu antecessor, não se passa um tempo depois do filme. Dessa vez, ele adapta o filme de maneira BEM de leve, já que soca vilões que não fazem parte da trama da adaptação cinematográfica, apenas utilizando algumas coisas do longa.

Além de um free roam aprimorado (cidade maior, você precisa prender suas teias em prédios em vez do céu), você também pode controlar a outra metade do Homem-Aranha, Peter Parker, em algumas missões específicas. The Amazing Spider-Man 2 foi lançado hoje, dia 29 de abril, para PC, Nintendo 3DS, PlayStation 3, PlayStation 4, Wii U e Xbox 360.

Menção honrosa

O Homem-Aranha já apareceu em trocentos jogos, como Marvel Ultimate Aliance ou os diversos jogos de luta que a Capcom lança com os heróis da Marvel. Só que existe um jogo que mostrou um Aranha “radical” e não deixa de ser uma previsão do futuro mostrado em O Espetacular Homem-Aranha.

Em Tony Hawk Pro Skater 2, o Homem-Aranha se tornou o melhor skatista secreto de toda a franquia. DE. TODA. A. FRANQUIA! :D




There are no comments

Add yours