Você assinou a Netflix, está todo faceiro por ter uma bordoada de títulos para ver, mas a quantidade de coisas na tela acaba criando um problema. Muitas vezes, você passa mais tempo procurando alguma coisa para ver do que realmente assistindo um filme ou série.

Pensando nisso, resolvemos criar algumas listas com sugestões de filmes, séries e documentários disponíveis no Netflix brasileiro, dando os motivos pelos quais você deveria assistir aquilo.

Sim, você simplesmente poderia ficar rodando a lista do Netflix e tentar a sorte com algum título, mas também pode ver em um ou dois parágrafos se um filme merece seu tempo ou não.

A ideia é cada lista contar com sete títulos, um para cada dia da semana. Sim, terão alguns filmes ou séries que todo mundo conhece, mas tem gente que não entende o motivo do hype e estamos aqui para oferecer aquele abraço e explicar o porque.

Para acessar os filmes e séries, basta clicar nos títulos aí embaixo. Para verificar as outras listas do Netflix que já fizemos, clique aqui.

1) Mighty Morphin Power Rangers

power-rangers

Ok, o negócio pode parecer cretino e atuado com o alcance emocional de uma batata, mas a primeira série dos Power Rangers é também feita de vitória e glória. Utilizando cenas da série japonesa Zyuranger, Power Rangers reúne um grupo de adolescentes que se transformam em guerreiros com roupa de lycra e que sangram faísca para lutar contra monstros de borracha e papelão. E tem o Megazord, vulgo MELHOR ZORD ATÉ SURGIR AQUELE SEGUNDO QUE TEM UMA KATANA BOLADA.

Apesar de contar com outras séries e formações da equipe, Mighty Morphin Power Ranger sempre terá o seu lugar de destaque por ter dado início a toda folia. E um minuto de silêncio pra Trini. =/

2) Death Note

Death Note
Talvez um dos animes mais hypados da última década, Death Note conta a história de um moleque chamado Light (ou Raito, dependendo da tradução), um dos melhores alunos do Japão. Um dia, entediado com a vida, ele encontra um caderno com estranhas instruções. De acordo com as páginas, seria possível escrever o nome de uma pessoa e decidir quando ela morreria. Ao descobrir que o caderno funciona, ele descobre que o objeto pertencia a um demônio. Mesmo assim, ele resolve limpar o mundo da criminalidade, se tornando uma espécie de deus. Isso acaba atraindo a atenção de um misterioso investigador.

A série é bem divertida e a maneira como a história se desenvolve é interessante pra caramba. Fora que a trilha sonora é sensacional.

3) Madrugada dos Mortos

dawn04-2
Antes de meio mundo ficar de chiliquinho pra cima do cara por causa de câmera lenta, o Zack Snyder deu início à sua carreira de diretor de cinema com a refilmagem de um clássico do terror, Madrugada dos Mortos. Apesar de ser um baita trampo complicado, o cara conseguiu se sair bem no serviço, até conseguindo deixar a sua marca.

O filme, que conta a história de um grupo de sobreviventes do apocalipse zumbi que se abrigam dentro de um shopping, é legal pra caramba e dá pra ver que um produtor que segura a onda do Snyder resulta num filme maneiro. Deixa o cara solto, dá merda.

4) Sin City – A cidade do pecado

Sin City
Lembram da época que um filme de Sin City era legal e todo mundo queria ver? Pois é, mesmo com uma sequência que é só meia boca, é necessário falar que o primeiro filme, esse que você pode ver no Netflix, é bem legal.

O Robert Rodriguez abriu mão de fazer uma adaptação da HQ e resolveu só pegar os paineis do gibi e filmar com uns atores maneiros. Esse dá pra ver sem medo de ser feliz.

5) Amor Sem Escalas

Up-In-The-Air
Um filme com o George Clooney sendo o George Clooney e Anna Kendrick sendo puro amor, Amor Sem Escalas conta a história de um sujeito especializado em mandar pessoas embora. Quando uma empresa precisa desligar certo número de funcionários, ele é chamado para apresentar a notícia de uma maneira direta e sem problemas. Por causa disso, ele viaja sem parar e não consegue criar um relacionamento com ninguém.

Quando uma jovem cria um sistema que tornaria o seu trabalho obsoleto, ele começa a ver a vida com outros olhos, encontrando uma possível nova realidade. O filme é legal pra caramba e leve o suficiente pra fazer você passar duas horas tranquilo.

6) Dias incríveis

Frank the tank

A prova de que colocar o Will Farrel como coadjuvante no seu filme funciona bem mais do que deixá-lo como astro principal, Dias Incríveis conta a história de um sujeito que perde a namorada e vai morar em uma casa dentro de um campus de universidade. Quando ele precisa transformar sua residência na sede de uma fraternidade, ele se junta a dois amigos para organizar a porra toda.

O filme é sensacional e deu ao Will Farrell o seu melhor papel até hoje: Frank The Tank.

7) Histórias Cruzadas

the-help-poster

Mais uma semana, mais um filme com a Emma Stone que aparece por aqui por motivos de “É a Emma Stone <3”. Histórias Cruzadas é baseado no livro The Help e conta a história de uma jovem jornalista que começa a escrever um livro com relatos de empregadas negras durante os anos 60, nos Estados Unidos.

Apesar de tratar sobre um tema sério como o racismo, o filme consegue ter momentos de leveza e consegue ser divertido, apesar de momentos pesados.

Sem mais artigos