Você assinou a Netflix, está todo faceiro por ter uma bordoada de títulos para ver, mas a quantidade de coisas na tela acaba criando um problema. Muitas vezes, você passa mais tempo procurando alguma coisa para ver do que realmente assistindo um filme ou série.

Pensando nisso, resolvemos criar algumas listas com sugestões de filmes, séries e documentários disponíveis no Netflix brasileiro, dando os motivos pelos quais você deveria assistir aquilo. É o Tem na Netflix!

Sim, você simplesmente poderia ficar rodando a lista do Netflix e tentar a sorte com algum título, mas também pode ver em um ou dois parágrafos se um filme merece seu tempo ou não.

A ideia é cada lista contar com sete títulos, um para cada dia da semana. Sim, terão alguns filmes ou séries que todo mundo conhece, mas tem gente que não entende o motivo do hype e estamos aqui para oferecer aquele abraço e explicar o porque.

Para acessar os filmes e séries, basta clicar nos títulos aí embaixo. Para verificar as outras listas do Netflix que já fizemos, clique aqui.

Your Name

Eu sabia que já tinha visto um filme com uma trama mais ou menos parecida, mas não lembrava qual. Agora eu lembrei. Your Name é basicamente aquele filme A Casa do Lago, com a Sandra Bullock e o Keanu Reeves, só que animado e mais bonitinho.

A animação, um sucesso ABSURDO nos cinemas japoneses, conta a história de dois jovens que, por alguma magia desconhecida, acordam um no corpo do outro. Com o passar do tempo, um vai conhecendo o outro e suas vidas nunca mais são as mesmas. Sério, assiste porque é um filme que dá até um quentinho no coração.

Ash vs Evil Dead

A verdadeira sequência dos filmes da série Evil Dead, Ash vs Evil Dead começa anos depois do terceiro filme, com Ash Williams vivendo uma vida um tanto decadente. Isso até que, novamente, demônios são soltos através do Necronomicon por uma cagada dele. Agora, o herói precisa voltar à ativa para salvar o mundo (mais uma vez).

A série traz o mesmo humor e gore dos filmes, além da presença de Bruce Campbell e seu queixão. Vale muito pros fãs dos filmes, apesar de ter uns episódios meio arrastados.

Erased

Erased, ou Boku Dake Ga Inai Machi, é uma série japonesa da Netflix, baseada no mangá do mesmo nome, que ganhou uma adaptação em anime no ano passado que é MARAVILHOSA (e tá disponível no Crunchyroll). A série conta a história de um cara que consegue, de jeitos aleatórios, viajar no tempo. Quando é acusado de um assassinato que não cometeu, ele foge e acaba voltando, sem querer, para a época que estava na segunda série.

Ele se lembra que na época, sequestros e assassinatos aconteceram na sua escola e que podem estar ligados ao assassinato pelo qual foi acusado. Ele, no corpo de sua versão criança, resolve tentar mudar o passado para salvar o seu presente. Pra quem viu o anime, não tem MUITAS novidades, mas vale a pena assistir.

Voyeur

Voyeur é um documentário da Netflix sobre o relacionamento entre um jornalista, Gay Tallassee e Gerald Foos, um voyeur que teve um hotel de beira de estrada só para espionar o que os hóspedes faziam. Durante anos, Tallassee conheceu Foos e finalmente poderá contar a sua história para o mundo.

O documentário aborda as histórias de Foos e Tallassee tentando escrever um livro e uma matéria para a revista The New Yorker sobre tudo. É um documentário muito interessante e que serve não só pra entender o que passa na cabeça do tiozinho, mas também alguns problemas que jornalistas podem encontrar ao acreditarem em fontes não tão seguras.

Fargo (a série)

Fargo é um filme que eu não consegui achar tão genial quanto todo mundo achou, mas dá pra ver porque ele é tão reverenciado. A história de um crime numa cidadezinha isolada e policiais tentando resolver o negócio, com uma boa dose de humor negro e situações bizarras chamam a atenção e, por isso, uma série baseada no filme foi produzida.

Cada temporada conta uma história diferente, então dá pra ir na que você achar melhor. A terceira foi a que me chamou mais atenção porque tem Ewan McGregor em um papel duplo e ela, Mary Elizabeth Winstead, a mulher que tem Win até no nome.

A Colina Escarlate

A maneira como A Colina Escarlate foi vendido para o público meio que matou a minha boa vontade na primeira vez que assisti ao filme, mas depois, sabendo exatamente do que se tratava, ele se tornou algo bem mais agradável e interessante.

O filme de Guillermo Del Toro conta a história de uma jovem que pode estar sofrendo um golpe ao se apaixonar por um sujeito. Ela vai morar com ele e sua irmã em uma mansão já meio decrépita na tal colina escarlate e lá, vem coisas do além.

É a sinopse mais cretina que eu poderia ter escrito, mas não assista ao filme pensando que é um suspense cheio de sustos, sendo algo bem mais psicológico e que casa bem com a filmografia do Guillermo Del Toro.

O Próximo Convidado Dispensa Apresentação com David Letterman

Depois de um tempo afastado das telas, David Letterman, talvez o melhor host de talk show da história da TV americana retorna para assumir o controle de um programa exclusivo da Netflix. Cada episódio deve ter em média uma hora e trará só convidados que, como o título diz, dispensam apresentação.

O primeiro episódio traz o ex-Presidente dos EUA Barack Obama, em uma conversa que não só mostra como o Obama faz falta na presidência e o Letterman como host de talk shows.

O programa deve ser atualizado mensalmente.

 

Sem mais artigos