Mais sequências de Mad Max podem finalmente sair do papel

Desde o lançamento de Mad Max: Estrada da Fúria, todo mundo pede por novos filmes do Mad Max. Por um tempo, até mesmo a possibilidade de um filme da Furiosa, uma personagem realmente foda, mas que meio que teve toda a sua história já contada, existiu. Só que problemas legais acabaram por jogar um balde de água fria em tudo. Agora, pode ser que esses problemas tenham sido resolvidos.

Logo depois da estreia de Estrada da Fúria, a produtora do diretor George Miller moveu uma ação contra a Warner Bros por causa de alguns pagamentos que não foram feitos. A situação foi se enrolando nos tribunais, mas o diretor revelou, em uma entrevista para o site Indiewire, que as coisas estão se resolvendo.

Tudo começou por causa do caos na Warner Bros e não era culpa de Kevin Tusjihara (antigo presidente do estúdio), tudo aconteceu antes dele. Ele não era o vilão, porque várias pessoas não sabiam o que estava acontecendo e ninguém estava disposto a resolver o problema. Todos estavam correndo de um lado para o outro, aparentemente com medo do que poderia acontecer, por três diretorias diferentes. Era difícil conseguir a atenção de alguém, então nós entramos com um processo. O caos acabou se estabilizando e tudo começou a se resolver depois da fusão com a AT&T.

Uma nova trilogia Mad Max?

Ok, os problemas se resolveram e agora todo mundo vai voltar a trabalhar feliz. Na medida do possível, mas isso cria a brecha para que novos Mad Max sejam feitos. O diretor disse que já tem duas histórias preparadas envolvendo Max, e outra a Furiosa. Ele revelou que ainda está vendo como tudo vai funcionar, mas parece que as coisas realmente vão acontecer.

Pelo jeito que ele falou, o homem parece ter planejados TRÊS filmes. Vale lembrar que Estrada da Fúria demorou pra cacete e foi um parto pra fazer, então existe a chance de ele dar uma diminuída nisso aí, misturar tramas e o escambau. O que importa é GEORGE MILLER ESTÁ SE PREPARANDO PARA FAZER MAIS MAD MAX.

Mad Max

Leia Mais
Review: Caça-Fantasmas é realmente legal