Primeiro eu quero começar essa beleza falando que:
1) apesar do longo período entre posts e novidades, o puropop não morreu.
2) eu continuo extremamente esbelto e lindo como nunca antes
3) e, talvez o mais importante, sou fanboy e não quero nem saber o que você pensa sobre a série do Alien! MESMO.

Prometheus chegou alguns meses atrás como quem não quer nada.. mentira!
Prometheus chegou com a responsabilidade de ser, não só o retorno do señor Ridley Scott ao rico e vasto universo de ALIEN, como também uma prequência do filme de 1979 chamado.. ééé.. ALIEN.

Mas aqui vale levantar um ponto importante.
Durante toda a produção do bregueinight, señor Scott disse que NÃO estava trabalhando em uma prequência de Alien. Tudo indicava o contrário, mas o velhinho vivia batendo na tecla. O mistério foi solucionado com uma recente entrevista de Damon Lindelof para o Josh Horowitz (da mtv gringa) “maybe“.
É, mais não é!
Explico: o roteiro original ERA, mas devido a cagada que fizeram com AVP (o que, sinceramente, matou a franquia para a garotada mais nova), a produção resolveu se afastar do nome de todas as maneiras possíveis. é, faz sentido.

Enfim, o filme chegou e dividiu muito as críticas.

Existe o grupinho que gostou (e muito) e o grupo que não entendeu, é burro e deveria voltar para a escola.

E eu, do alto da minha… (não, isso ta errado. eu não sou alto) da lateral mais lateral da minha circunferência, vou contar para vocês o porque desse filme ser tão legal!

Primeiro porque o filme é estupidamente lindo! Sério, é fantasticamente lindo! É brigadeiramente lindo!!
E o 3d é, sem a menor sombra de dúvidas, o melhor 3D de todos os tempos. Nenhum objeto passa voando pela tela para te acertar na testa, e o único objetivo do efeito é te levar para a atmosfera do planeta (no pun intended) e isso eles realizaram como ninguém. (talvez como tron, mas prefiro falar ‘como ninguém’… da mais impacto, sabe?)

Não bastasse a orgia visual do filme, a história é FODA, amigos.
É aqui, inclusive, que a porca torce o rabo e mais vale um passarinho na mão que 14 atravessando a rua.
A história dividiu opiniões. Os que conseguiram entender (e gostaram) e os bobos.
Vou resumir o filme como os bobos entederam (sem spoiler, somente com info dos trailers ok?)
Arqueólogos fazem o que eles sabem fazer de melhor (arqueologam), descobrem pinturas que nos convidam para conhecer uma civilização no espaço. Chegando lá a porra toda vai pro saco e morre uma galera… ai acaba o filme.

“mas ai mimimi não conta o porque disso e o porque daquilo” e meu amigo.. você ainda precisa tomar muito toddynho para ir ao cinema sem a companhia dos pais viu.

A verdadeira pegada do filme é a antiga briga entre Criatura x Criador.
Ou você acha que o filme se chamar Prometheus é só um nome maneiro? Além disso, pense no plot (conhecer nossos deuses no espaço), ou ainda a enorme intriga familiar que rola durante o filme inteiro? Ou até… bom, calma. não vou falar de spoilers. Mas tenha essa informação em mente. (criador x criatura)

Also, outra dica para ENTENDER o filme é prestar atenção dos diálogos. UAU IMAGEM BONITA HERP DERP AS MULHER MANEIRA HERP DERP… deixa de ser idiota e presta atenção nas entrelinhas. _|||_
Pensa. Para, respira e pensa!
Principalmente quando falarem sobre a quanto tempo algo morreu. ok? promete pro titio aqui que vai fazer isso! prometeu? sucesso!

Os personagens são legais. E críveis! E muito importantes!
Ao assistir a brincadeira, repare nas nuances de cada um. Nas reais intenções, medos e, principalmente, expressões de cada um. Elas dizem muito sobre o filme.

(tem tempo que eu não faço review então eu to meio perdido e vou fazer esse comentário aqui para você não reparar que faltou um pouco de ligação entre o parágrafo de cima com o de baixo, ok?)

A trilha sonora do filme é legal. É boa e faz sentido dentro do objetivo, mas não chega perto da trilha original. O que eu mais senti falta foram os momentos de silêncio que poderiam contribuir com a tensão do filme. Parece que deram uma adaptada para os jovens e até faz sentido, mas, infelizmente, nesse quesito o filme novo apanha bem do original.

Apesar da falha na trilha sonora o filme ainda é um espetáculo. Vale o ingresso (de preferência 3D) e se possível deixe a pipoca de lado para prestar, de fato, atenção no filme!
Após assistir a brincadeira, por favor veja esses 2 links. Um do Bloody Disgusting e outro do Cavalorn.
Você está pronto para ter sua cabeça explodida?!

ps: site da Weyland Industries. Muito MUITO interessante!!!

Sem mais artigos